Alimentos que Aumentam Nossa Imunidade

Antioxidantes

A vitamina C é um importante antioxidante e está presente em frutas como abacaxi, morango e limão, além dos vegetais folhosos verdes-escuros. Essa vitamina tem capacidade de aumentar a produção de células brancas, que por sua vez operam na defesa do organismo. Portanto, é fundamental ter um consumo ideal desse nutriente.

Óleos saudáveis

omega-3

Igualmente salutar é o consumo dos óleos saudáveis, como ômega-3, ômega-6 e ômega-9, que também fortalecem o sistema imunológico. Esses óleos podem ser encontrados em determinados peixes, como, por exemplo, na sardinha, e nas sementes de linhaça, dentre outros alimentos. No caso da linhaça, o consumo pode ser frequente, mas o ideal é ingerir as sementes trituradas. Para isso, basta batê-las no liquidificador.

É interessante observar que as propriedades das sementes são conservadas num período limite de três a quatro dias. A ingestão da semente integral apenas auxilia na melhora da função intestinal, além disso, as fibras não são perdidas no processo de trituração, já que estão presentes na casca das sementes.

Uma sugestão de consumo é incrementar preparações frias com as sementes de linhaça. Ademais, deve-se evitar adicioná-las ao feijão durante o cozimento, pois esse método de cocção pode provocar a perda das propriedades da linhaça.

Libido baixa? Confira no artigo a seguir 3 dicas para aumentar a libido.

Gengibre combate infecções respiratórias

gengibre

O gengibre auxilia no aperfeiçoamento do sistema respiratório, sendo assim um alimento de fundamental importância para pessoas com gripe ou quaisquer infecções respiratórias. O gengibre também pode ser consumido na forma de chá, assim contribuindo também para a hidratação do corpo. Vale salientar que a água é preponderante para que todas as vitaminas consigam desempenhar suas funções no organismo.

Probióticos

probioticos

Os iogurtes naturais são uma excelente fonte de probióticos, que são as bactérias que aprimoram o nosso funcionamento intestinal. Entretanto, iogurtes diet (comercializados em diferentes sabores) costumam quantias exageradas de aditivos, como acidulantes e corantes, que são substâncias que acabam comprometendo os benefícios proporcionados pelo iogurte. Ademais, muitos iogurtes são também ricos em açúcar, outro componente prejudicial. O excesso de carboidrato pode atrasar em até cinco horas a atuação dos chamados alimentos funcionais. Por todas essas razões, deve-se priorizar o consumo de iogurtes naturais.

Cenoura, batata doce e  mamão

Cenoura, batata doce e mamão possuem alta concentração de betacaroteno, que é o ingrediente responsável pela tonalidade alaranjada desses alimentos, os quais podem proporcionr na melhora do desempenho da mucosa intestinal e estomacal, logo, é importante consumi-los com vistas a fortalecer nosso sistema imunológico.

Oleaginosas

Oleaginosas, como nozes, macadâmia, castanha-do-pará, e castanha de caju, são alimentos ricos selênio, dificilmente suprido apenas com o consumo de outras fontes vegetais. Ao ingerir três unidades de algumas dessas oleaginosas por dia, já é possível preencher o organismo com a quantia ideal do referido mineral, também importante para a regulação de nosso sistema imunológico.

No entanto, as oleaginosas também são altamente calóricas. Além disso, como o selênio em excesso atua diretamente no sistema nervoso central, o consumo de algumas poucas unidades destas sementes pode ser suficiente para provocar dores de cabeça.

Canela

A canela pode ser usada como um complemento para, por exemplo, o iogurte, frutas picadas ou sucos. Essa especiaria também contribui para a ampliação do nosso muco intestinal.

Alho

O alho deve ser de preferência consumido cru, já que parte de suas propriedades podem ser eliminadas durante o cozimento. O ideal é preparar a refeição com alho cozido, mas deixar parte do alho triturado cru para ser usado após a cocção. Desse modo é possível manter o sabor proporcionado pelo alho sobre os demais alimentos e ainda conservar o teor ativo de suas propriedades.

Com relação ao possível mau hálito gerado pelo alho, o efeito pode ser combatido mediante o consumo de frutas cítricas e da própria canela, citada há pouco.

Outra opção de consumo consiste em deixar três dentes de alho imersos em um copo de água durante toda a noite, e então ingerir o líquido na manhã seguinte. Essa simples ação, repetida durante três dias consecutivos, pode ser o suficiente para acabar com resfriados.

Ei, você já ouviu falar do SizeMax?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *